FECHAR
1
?
b
b
DESTINOS
?
BUSCA
m
ASSINE
p
FECHAR BUSCA
X
Receba nossos posts em seu e-mail.



?
Vida Nômade

10 dicas para conciliar trabalho e viagens

5 de janeiro de 2017 | POR Vinny Campos
Follow my blog with Bloglovin

Quando falamos em vida nômade, sempre vem a pergunta: E como vocês fazem para trabalhar enquanto viajam? Bom, aqui vão algumas dicas que usamos para conseguir viajar e ter experiências sem que isso prejudique nossos trabalhos.

1- Fique períodos longos em cada lugar

Um dia inteiro passeando e trabalhar a noite é ótimo por um tempo, mas se isso se tornar rotina, seu rendimento vai cair e vai diminuir suas horas úteis de sono ou de trabalho. Geralmente quando temos um dia aproveitando a cidade, nosso corpo as vezes vai ao limite, desde longas caminhadas até a própria imersão cultural na arquitetura, idioma, arte e cultura gastronômica, tudo isso exige muito do seu corpo e mente. Ao chegar em casa você precisa descansar para fixar tudo que viu. Imagine depois de um dia como esses ainda ter que trabalhar, e as vezes virar a noite.

Se isso acontecer algumas vezes não é um problema, o que não pode acontecer é virar uma regra.

Para evitar que isso aconteça, fique um período maior nos lugares e intercale dias de passeio e turismo com dias de trabalho. Na vida como nômade, às vezes precisamos ter longos períodos de trabalho também e é comum ficar 1 ou 2 semanas sem conseguir fazer passeios pela cidade. Mas ficando um tempo maior, você pode se programar para conhecer a cidade com calma, sabendo que ainda tem mais tempo.

Só não deixe tudo para os últimos dias, se não, vai dar no mesmo de ficar pouco tempo no lugar.

2- Aceite que você não irá conhecer a cidade inteira em um tempo curto

Durante nossa vida pré-nômades, sempre tentávamos visitar o máximo possível no menor tempo, andando vários quilômetros por dia. Como nômades aprendemos a não ser mais turistas, e tentamos, além das atrações, nos envolver com a cidade e sua cultura. E isso é perfeito para conciliar com seu trabalho, valorizando a qualidade da experiência e não a quantidade.

Permita-se repetir lugares que gostou, almoçar mais de uma vez naquele restaurante onde te recebem bem e você tem uma troca maior com as pessoas... Tente conhecer bem sua vizinhança e em poucas semanas você já estará dando bom dia para o cara da "padaria"... No fim, essas coisas simples do seu dia a dia estarão entre suas melhores recordações daquele lugar.

3 - Avise a todos sobre seu novo estilo de vida

Todos os seus clientes, antigos, novos ou atuais, devem saber sobre sua forma de vida.

Por mais que você ache que é algo pessoal e que independe da entrega do seu trabalho, nós temos um estilo de vida que pode limitar o relacionamento, seja pela distância, fuso-horários ou até pela estrutura de internet no local onde você decidiu viver naquele período. Não tenha medo ou receio de contar sobre seu estilo de vida, pelo menos no nosso caso, os clientes inclusive adoram acompanhar as viagens e acham incrível o que fazemos.

Lembre-se de deixar claro quando irá mudar de cidade ou país, pois naqueles dias pode ter algum imprevisto relacionado a mudança ou adaptação a nova rotina. Faça dos seus clientes parceiros, pois afinal, eles são o que torna viável o seu estilo de vida. Eles aceitam você trabalhar a distância, e acima de tudo, confiam em você.

4 - Usando o fuso-horário a seu favor

Muitas pessoas acham que o fuso-horário pode ser o vilão de uma vida trabalhando a distância, porém eu vejo como uma das grandes vantagens de viver esse estilo de vida. Se você tem a consciência do fuso-horário, você sabe quais são suas janelas durante o dia para seus passeios pela cidade.

Nós já vivemos em diferentes fusos e sempre mantendo clientes no Brasil. O fuso horário nos proporciona uma maior liberdade para conciliar nossos passeios e trabalhos, podemos trabalhar ou passear, enquanto nossos clientes dormem, por exemplo. Isso me ajudou muito a não precisar virar noites trabalhando na Europa, e melhorou muito minha qualidade de vida.

Se você usar o fuso-horário como forma de organização, já vai ter um norte para montar sua rotina.

Leia mais sobre como usar o fuso-horário ao seu favor aqui.

working
5 - Slow-travel

Pra quem já teve o dia a dia de turista, já conhece a famosa frase “Eu preciso de férias das férias”.

Quando decidimos nos tornar nômades, questionamos diversos aspectos da vida cotidiana, inclusive o conceito de viagem. Aquela viagem onde você se sente apenas passando por um lugar, sempre com pressa, com aquele sentimento de que é sua única chance ou será a última vez a ver ou visitar algo, para nós não existe mais.

Hoje, mesmo ainda visitando pontos turísticos, nós temos um senso de prioridade e de urgência muito menor. E isso contribui com a nossa rotina de trabalho, pois se em um dos dias chove, ou é um dia que precisamos ficar em casa para trabalhar, não tem problema, nos contentamos em nesses dias, comer em um restaurante no bairro ou ir até o mercado da esquina olhar embalagens - adoramos isso!

Já falamos sobre isso aqui também!!

6 - Valorizando os pequenos momentos

É repetitivo, mas viver como nômade é valorizar todos os momentos e experiências que a viagem proporciona. Mesmo os dias de intenso trabalho, nos trazem imersões culturais, pode ser através da TV local, do chuveiro que tomamos banho, de ir ao mercado ou caminhar por ruas novas. Estamos viajando 100% do tempo e essa liberdade para aproveitar todos esse momentos e não só os grandes momentos, é o que buscamos. Isso nos trás tranquilidade e paz para conciliar a vida de viagens e trabalho.

7 - Freela offline em qualquer lugar

Durante nossas viagens, aprendemos que internet não é algo estável pelo mundo, na Europa, EUA e Ásia, cada um teve suas limitações. Ao morar em casas de culturas diferentes, só confirma que querer uma boa internet, não é suficiente. Você pode pedir para que a pessoa faça um teste de conexão, que te diga a velocidade, que confirme que não é limitado o download, mas sempre pode acontecer algo.

Por isso recomendo que, mesmo que você trabalhe online, se concentre em ter um pensamento offline e descubra, além das atividades online, o que você pode fazer sem internet. Essas atividades são ótimas para vôos longos, viagens de ônibus, ou para ir a um café.

Nada de trabalhar na praia! Praia é lugar de tomar sol, aproveitar o dia e o mar, não leve seu notebook pra praia!

working melaka
8 – Com organização, todo mundo se dá bem

Organização e disciplina parecem algo estranho para quem quer uma vida vista como uma vida de liberdade, porém já disse o poeta “Disciplina é Liberdade”. Com nossa vida organizada, podemos ter a liberdade de fazer o que quiser, na hora que quiser.

Nós lidamos com diversos projetos ao mesmo tempo, além dos nossos projetos pessoais, então temos várias outras pessoas ao nosso redor que podem influenciar nosso dia, de maneira positiva e negativa. Por isso temos que sempre nos blindar de interferências externas que atrapalhem nosso planejamento. Encontre seus melhores horários para trabalhar, responder e-mails e prospectar, sim, são coisas diferentes, e que merecem atenções diferentes.

9 - Combinado não sai caro

Nessa lista, muitas das dicas dizem a respeito do seu comprometimento com você mesmo e com seus clientes. Você estar viajando o mundo ou vivendo fixo na sua cidade natal, não muda o fato de que ao ser freelancer, você terá vários chefes. E cada um deles tem expectativas diferentes e acordos diferentes. Lembre-se cumprir os acordos é o mais importante para ter sucesso nessa vida. Eu não digo ser 100% infalível, já cometi deslizes com prazos, porém sempre tento compensar ou no mínimo informar meus clientes sobre os projetos.

Vivendo nômade, em alguns projetos você vai precisar dedicar seu tempo levando em conta o fuso-horário de outro país, defina seus termos de trabalho com seu cliente, e diga o que pode fazer e o que não pode. Após os termos estabelecidos, dificilmente você terá problemas, se cumprir com o combinado.

Deixe claro quais serão seus horários online, quanto tempo vai demorar para retornar e-mails e até uma margem de segurança caso fique sem conexão.

10 - Antecipe movimentos

Programe-se para que quando trocar de cidade ou país, você não tenha demandas urgentes para aquele período. Em uma troca dessas tudo pode acontecer, desde vôos com atrasos, até chegar em um local sem a conexão que esperada. Você pode chegar em um apartamento, bem no meio de um black-out por exemplo – isso aconteceu em nossa chegada em Lille, durou pouco tempo, mas a previsão era de um tempo bem maior.

_____________

Vale lembrar que, antes de nos tornarmos nômades, nós já éramos freelancers, então já tínhamos uma vida organizada para conseguir trabalhar em casa, e muito do que aprendemos trabalhando em casa, nos ajudou na vida nômade.


Also published on Medium.

RESERVE SUA VIAGEM AQUI
Reserve seu hotel no BOOKING.COM pague em moeda local, sem depósito antecipado e com cancelamento gratuíto. Pelo HOTEIS.COM é possível pagar em Real e ainda parcelar, sem sofrer com a variação do cambio. Ou compare o preço das diárias em diversos sites através do TRIVAGO.
Prefere alugar uma casa, quarto ou apartamento? Cadastre-se no AIRBNB por aqui e ganhe um crédito para a sua primeira hospedagem. (válido apenas para novos cadastros)
Está procurando passagens aéreas baratas? Reserve aqui!
Quer visitar as principais atrações sem pegar fila? Compre seu ingresso antecipado e economize tempo.
Procurando avaliação dos principais hotéis, restaurantes e atrações? O Trip Advisor pode te ajudar.
E não deixe de conferir nossa LOJINHA. Com uma curadoria de guias, livros e acessórios para quem ama viajar.
Reserve através dos nossos links e nos ajude a manter o blog, sem pagar nada a mais por isso!
39 s
m
h
RESERVE AQUI
ESCRITO POR
Vinny Campos
Designer, santista, apaixonado por arte, música e pelo acaso. Fui inspirado pela Nini a conhecer o mundo e vivemos nômades desde 2014, a cada dia nos apaixonando mais pelo slow-travel. Estou a frente do Studio Lhama, participo do podcast Aparelho Elétrico e escrevo sobre design e criatividade no Choco La Design.
CONTINUE LENDO
DEIXE SEU RECADO

Escolha sua plataforma de comentários favorita

Loading Facebook Comments ...
Booking.com
Copyright © 2014 - 2016 - apathtosomewhere.com.br - Todos os direitos reservados | Designed and Created by Studio Lhama
n
Designed and Created by Studio Lhama